Mês da Bíblia

O mês de setembro é, na Igreja no Brasil, o mês da Bíblia. Por isso todos os anos, por ocasião do Mês da Bíblia, a Comissão para a Animação Bíblico-Catequética propõe um texto de estudo para oportunizar “a mais ampla educação bíblica possível”. Em 2022, o livro escolhido é o de Josué e o lema bíblico inspirador é “O Senhor, teu Deus, estará contigo por onde quer que vás” (JS 1,9).

Foi preciso selecionar aqueles capítulos com mais densidade e afinidade temática para animar a fé dos homens e mulheres que hoje contam com a Palavra da Escritura para crer que Deus sempre esteve próximo dos seus eleitos.

O estudo do texto-base leve o leitor ao Livro de Josué e perceba que Deus nunca deixa sem respostas as pessoas e comunidades que a Ele se confundem. Dividido em duas partes, o texto-base traz uma visão panorâmica do Livro de Josué e, na sequência, uma reflexão sobre quatro textos específicos, no Livro de Josué. Sua proposta é, segundo o autor, padre Antônio Carlos Frizzo, aproximar a todos da jornada de Josué pela posse da terra prometida.

“Também nós somos chamados ao estudo do Livro de Josué, que nos leva a perceber que Deus nunca deixa sem resposta as pessoas e comunidades que a Ele se confiam”, afirma um trecho do texto-base.

O Livro de Josué: o esforço empreendido pelas tribos israelitas na conquista e ocupação das terras é tema principal no Livro de Josué. O personagem principal de todo o livro é Josué, termo em hebraico que significa “O Senhor salva”.

O Senhor é uma divindade que segundo o texto-base, nos tempos de Josué, aparece entre tantas outras divindades, presentes nos cultos das religiões politeístas dos povos vizinhos. Todo o sucesso dos grupos liderados por Josué na conquista e posse da terra está condicionado a realizar a Palavra do seu Deus, sem submeter-se também aos cultos estrangeiros.

“Não temos dúvida que esse livro soa como uma catequese para impulsionar o povo na conquista da terra. O Livro de Josué é um autêntico testemunho de que Deus realiza a promessa feita ao seu povo Israel. Da escravidão para a posse da Terra Prometida”, afirma um trecho do texto-base. Vamos estudar o Livro de Josué e façamos da Palavra de Deus lâmpada para os nossos pés e luz para os nossos caminhos!

Padre Wagner Augusto Portugal.

Você também pode gostar